ECOLOGIA BÍBLICA: uma introdução

Por Matheus Loures

Do Senhor é a terra e tudo o que nela existe, o mundo e os que nele vivem”

Sl 24:1

A questão ambiental está sempre presente nos noticiários, debates eleitorais e brigas (cheias de mimimi) nas redes sociais. Como em quase todas as polêmicas da esfera política, o debate tende a se polarizar entre duas posições que passam a se tratar de uma forma bruta e hostil. Como cristãos, devemos ser críticos a respeito de todas as ideologia¹, pautando nossas posições pelo que a Bíblia ensina e evitando equívocos de ambos os lados.

Para começar a entender quão importante é a questão ambiental na Bíblia, basta começar do começo. O primeiro versículo bíblico diz: “No Princípio criou Deus os céus e a terra” Gn 1:1. Logo no princípio do texto Deus já deixa claro o que é importante para ele, toda a criação². E sua alegria com o mundo criado continua nos versículos seguintes Gn 1: 13, 18, 21, 25, no final de cada dia Ele admira sua obra e avalia que o resultado ficou bom. Logo depois, Deus cria o ser-humano e finaliza seu trabalho. Neste momento Ele observa tudo o que fez nos 6 dias de trabalho e chega a satisfeita conclusão de que seu universo criado tinha ficado MUITO BOM!!! Resumindo a idéia, o planeta onde habitamos, além de todo o universo, e uma obra prima do Eterno.

Falar de ecologia na Bíblia também é necessário, pois através da Criação Deus revela algo de si para os seres humanos. “Porque os atributos invisíveis de Deus… claramente se reconhecem, desde o princípio do mundo, sendo percebido por meio das coisas que foram criadas.”(Rm 1: 20) A isto, os teólogos deram o nome de Graça Comum, que é a revelação e a ação de Deus sobre, definitivamente, tudo o que criou. Os salmos também fazem inúmeras conexões entre a natureza e a fé no Senhor (ex: Sl 19, Sl 104). Eles também mostram como Deus cuida da Terra “Tu visitas a Terra e a regas, tua a enriqueces fartamente” Sl 65:9, dos animais “Tu preserva tanto homens como animais” Sl 36:6 (ver tb 145:9) e como toda a criação de responder ao amor e cuidado do Criador “Todo ser que respira louve ao Senhor.” Sl 150:6  

Mas qual é nós? Qual nosso papel em tudo isso? O que significa sermos mordomos de Deus?

_______________________________

¹ David Koyzis- Visões e Ilusões Políticas, Uma análise e crítica cristã das ideologias contemporâneas ed Vida Nova

² Timóteo Carriker – A Visão Missionária na Bíblia ed Ultimato

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s